Duas grandes jazidas de gás são descobertas na Sibéria

Duas grandes jazidas de gás foram descobertas na zona siberiana de Irkutsk, no noroeste do lago Baical, anunciou nesta segunda-feira a agência territorial de recursos naturais desta região.Uma das jazidas, situada cerca de 150 quilômetros ao norte da cidade de Sayansk, recebeu o nome de Levobereznoye, enquanto a outra, ao sul da localidade de Ust-Kut, foi chamada de Angaro-Lenskoye.Segundo especialistas de uma comissão estatal, citados pela agência oficial russa Itar-Tass, as reservas de gás seco e condensado de Levobereznoye são de cerca de 60 bilhões de metros cúbicos e de 10 bilhões, respectivamente.A outra jazida, segundo a mesma fonte, é ainda mais rica, porque pode conter cerca de 1,2 trilhão de metros cúbicos de gás seco e 60 bilhões de metros cúbicos de gás condensado.Por sua envergadura, a jazida de Angaro-Lenskoye é comparável à de Kovykta, a maior da Sibéria Oriental, que foi descoberta nos anos 80 e cujas reservas comprovadas chegam a 1,9 trihão de metros cúbicos de gás.As duas novas jazidas serão exploradas pela companhia moscovitaPetromir, que recebeu as licenças para tal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.