Duas pessoas morrem em protesto na fronteira do Haiti

Pelo menos duas pessoas morreram hoje, quinta-feira, e outras sete ficaram feridas, entre elas dois soldados das forças da ONU no Haiti, durante um protesto pela morte de 25 haitianos na República Dominicana.A informação foi confirmada pela polícia da cidade haitiana de Ouanaminthe, na fronteira dos dois países, e por um oficial do Exército dominicano em Dajabón, no noroeste da República Dominicana.Os protestos na fronteira têm como objetivo pressionar as autoridades dominicanas para que sejam esclarecidas as 25 mortes de haitianos ilegais, que morreram enquanto viajavam de caminhão, rumo ao norte da República Dominicana. As mortes teriam sido causadas por asfixia, já que o veículo não tinha ventilação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.