Duplo atentado mata pelo menos 12 policiais

Vestidos com uniformes policiais, dois militantes detonaram ontem os explosivos que carregavam numa delegacia na Província de Paktita, matando pelo menos 12 policiais e deixando dezenas de feridos. A segunda explosão ocorreu cerca de 20 minutos após o primeiro ataque. Na primeira ação, o militante conseguiu entrar na delegacia. O segundo atentado ocorreu diante dos portões do QG, enquanto equipes de resgate tentavam prestar socorro aos feridos. Ninguém assumiu autoria das ações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.