Ebola causou 5.420 mortes, afirma OMS

Ebola causou 5.420 mortes, afirma OMS

A Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou que foram registrados 15.145 casos confirmados, suspeitos ou prováveis de ebola nos oito países atingidos.

O Estado de S. Paulo

19 de novembro de 2014 | 17h37

A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou que mais de 5.400 pessoas morreram de ebola, com a contínua transmissão do vírus nos três países mais afetados pela doença, na África Ocidental.

Em uma nova atualização, a agência da Organização das Nações Unidas (ONU) afirmou que foram registrados 15.145 casos confirmados, suspeitos ou prováveis de ebola nos oito países atingidos. A maioria foi concentrada na Guiné, Libéria e Serra Leoa. Dessas, 5.420 morreram.

Por outro lado, a OMS afirmou que os três países mais afetados progrediram na resposta à doença. "Com o aumento dos números, também aumenta a capacidade de isolar pacientes e prevenir outras transmissões", declarou a agência. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
OMSebola

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.