Economia da China deverá crescer 8% em 2002

A economia da China deverá crescer 8% em2002, enquanto que o comércio exterior e os investimentosestrangeiros deverão atingir níveis recordes no mesmo período,disse hoje o responsável pela Comissão Estatal dePlanejamento Econômico (CEPE), Zeng Peiyan. "Espera-se que o Produto Interno Bruto (PIB) deste anoultrapasse os 10 bilhões de yuans (US$ 1,2 trilhão), mais 8% doque no ano passado", disse Zeng numa coletiva de imprensa,organizada em paralelo ao 16º Congresso do Partido ComunistaChinês (PCC). As previsões do CEPE apontam para um crescimentomaior do que o previsto anteriormente para este ano pelo governoe acima dos 7,3% registrados em 2001. Zeng informou também que o comércio exterior (importaçõesmais exportações) da China deverá totalizar US$ 600 bilhões esteano, enquanto que os investimentos estrangeiros deverãoultrapassar os US$ 50 bilhões. Zeng descreveu o período desde 1989 - ano em que Jiang Zeminassumiu a liderança do partido - como "uma época dourada". "Omelhor período de desenvolvimento na história da China",ressaltou. No discurso de abertura do Congresso do PCC, Jiang Zemin,exortou os chineses a trabalharem para quadruplicar o PIB até2020. Para atingir este objetivo, a China precisa manter umcrescimento anual, durante duas décadas, na ordem dos 7,5% a 80%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.