Economia dos EUA cresceu pouco em fevereiro

A economia norte-americana cresceu em fevereiro, apesar da alta dos preços da energia e do "aperto" no mercado de mão-de-obra. A constatação é do "livro bege", o sumário sobre as condições da economia dos Estados Unidos que servirá de base às decisões de política monetária na próxima reunião do Comitê de Mercado Aberto do Fed (Fomc), no dia 20. O relatório divulgado nesta quarta-feira, cuja íntegra já está na internet (www.federalreserve.gov), foi preparado pelo Fed de Filadélfia com base em dados coletados entre meados de janeiro e 26 de fevereiro. "A maioria dos distritos da Federal Reserve (o Banco Central americano) relatou crescimento econômico de lento a modesto, enquanto os demais relataram condições diversas", diz o livro bege.O livro bege acrescenta que as vendas no varejo cresceram, reagindo aos fortes descontos dados pelas redes de lojas no começo do ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.