Edwards, vice de Kerry, ganhou US$ 150 milhões com processos

Desde que colocou os pés em Washington cinco anos atrás, o milionário advogado John Edwards, vice na chapa de John Kerry para as eleições presidenciais americanas, foi considerado uma estrela da política. Atual senador pela Carolina do Norte, ele se estabeleceu rapidamente como um habilidoso orador, e já havia sido cogitado para concorrer ao lado de Al Gore nas eleições de 2000.Nos anos 90, entre processos e acordos, Edwards, que tem apenas 50 anos de idade, ganhou aproximadamente US$ 150 milhões. Seu talento como advogado foi muito importante no Senado durante o processo de impeachment do então presidente Bill Clinton, além de conseguir fazer passar pelos senadores um projeto de lei (que nunca chegou a ser votado).Em 2003, ele desisitiu de concorrer à reeleição no Senado e participou das primárias do Partido Democrata, enfrentando justamente John Kerry. Edwards venceu apenas na Carolina do Sul, logo no início das votações, mas sua oratória empolgou os eleitores, especialmente os democratas independentes e moderados. John Edwards nasceu na Carolina do Norte, onde se formou em Direito. Ele e sua esposa, Elizabeth, perderam o filho Wade em 1996, quando ventos fortíssimos lançaram o carro em que ele estava para fora da estrada. A filha do casal sobreviveu. Pouco depois, eles tiveram outros dois filhos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.