Efeitos do ciclone 'Thane' matam 36 pessoas no sul da Índia

Maioria das mortes ocorreu no estado meridional de Tamil Nadu, onde a tempestade vitimou 23 pessoas

Efe,

31 de dezembro de 2011 | 09h13

NOVA DÉLI - Pelo menos 36 pessoas morreram na Índia por causa do ciclone "Thane", que chegou na sexta-feira ao litoral sul do país com fortes chuvas e ventos de até 140 km/h. A maioria das mortes ocorreu no estado meridional de Tamil Nadu, onde 23 pessoas morreram até agora devido à tempestade, especialmente no distrito de Cuddalore, detalhou um responsável policial regional, A. K. Shanti.

 

 

Inúmeras árvores e postes foram arrancados pelo violento vendaval que castigou Cuddalore. Na antiga colônia francesa de Pondicherry (sudoeste), as autoridades já registraram oito mortes - ao menos duas delas por desmoronamento de paredes -, enquanto no próximo estado de Kerala houve cinco mortos.

 

"Os danos ocorreram principalmente na capital, Trivandrum, onde três pessoas foram arrastadas pelos ventos e duas morreram eletrocutadas por cabos elétricos", contou um responsável regional de Kerala que preferiu manter o anonimato. Conforme a agência local "Ians", a tempestade perdeu força, mas os habitantes das áreas mais afetadas, especialmente Cuddalore, levarão dias para voltar a ter abastecimento de energia elétrica em suas casas.

 

As autoridades da principal cidade da região, Chennai (antiga Madras), ordenaram na sexta-feira na primeira hora a saída temporária dos moradores das áreas baixas diante da previsão de inundações e habilitaram acampamentos de emergência, de acordo com "Ians".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.