Egípcios destroem parte do muro da embaixada de Israel

Centenas de manifestantes egípcios destruíram partes de um muro de segurança que havia sido erguido recentemente perto da entrada da embaixada de Israel no Cairo.

AE, Agência Estado

09 Setembro 2011 | 14h50

As forças de segurança egípcias não intervieram quando a multidão subiu no muro, bateu com martelos e arrancou grandes pedaços da barreira.

Os manifestantes marcharam para a embaixada a partir da praça Tahrir, onde milhares de pessoas protestaram contra o ritmo das reformas do governo militar.

Desde a queda de Hosni Mubarak tem aumentado os clamores para que o histórico tratado de paz com Israel seja encerrado. O descontentamento aumentou no mês passado, depois que forças israelenses mataram cinco policiais egípcios ao responder a disparos na fronteira entre os dois países. As informações são da Associated Press

Mais conteúdo sobre:
Egito embaixada Israel muro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.