Egito culpa Israel por impasse nas negociações de paz

O presidente egípcio, Hosni Mubarak, culpou hoje Israel pelo impasse nas negociações de paz do Oriente Médio e pediu atitude da comunidade internacional, especialmente dos Estados Unidos, para fazer o processo avançar. "Nós alertamos contra as consequências da intransigência, as políticas e as posições de Israel sobre a estabilidade do Oriente Médio e do mundo", afirmou ele em um discurso ao Parlamento.

AE, Agência Estado

19 de dezembro de 2010 | 14h10

"Eu digo que Israel deve assumir responsabilidade pela suspensão das negociações. Tem que saber que a segurança do seu povo virá por meio da paz, e não pela força de armas ou assentamentos (em terras ocupadas)", disse o presidente. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.