Egito deve realizar 1ª eleição pós-Mubarak em novembro

O Egito deve realizar sua primeira eleição parlamentar desde a queda do ex-presidente Hosni Mubarak em 21 de novembro, informou a edição matinal de domingo do jornal estatal Al-Ahram. O pleito ocorrerá em três fases e terminará em 3 de janeiro. Em seguida, serão realizadas as eleições para o Senado no dia 22 do mesmo mês, de acordo com informações do chefe do comitê eleitoral, Abdel Muiz Ibrahim.

AE, Agência Estado

17 Setembro 2011 | 19h30

O comitê militar que governa o país desde a queda de Mubarak, em fevereiro, ainda tem que aprovar as datas, que deverão ser oficialmente anunciadas na última semana de setembro, de acordo com fontes contatas pela Agência France Presse.

A Justiça egípcia anulou as eleições parlamentares de novembro de 2010, vencidas pelo Partido Democrático Nacional. Partidos islâmicos como o Liberdade e Justiça, da Irmandade Muçulmana, são fortes candidatos no próximo pleito. Grupos seculares, mais desorganizados, querem que as eleições sejam realizadas mais adiante. As informações são da Dow Jones.

Mais conteúdo sobre:
Egito eleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.