Egito: Partido de centro-esquerda boicotará eleições

O partido opositor de centro-esquerda Dostour informou neste sábado que boicotará as eleições no Egito, marcadas para 21 de março. A iniciativa é um protesto contra o que o Dostour qualifica como violações dos direitos humanos promovidas pelo governo militar do país.

AE, Estadão Conteúdo

07 de fevereiro de 2015 | 18h05

Em comunicado, a sigla argumentou que o governo impossibilitou os partidos de oposição de fazer campanha abertamente. "O clima político atual não incentiva os partidos políticos a participar na vida pública", disse o partido. O Egito não tem parlamento desde 2012, quando um tribunal ordenou a dissolução da legislatura anterior.

A Irmandade Muçulmana, do ex-presidente Mohammed Morsi, deposto em 2013, está impedida de participar das eleições do próximo mês, porque o governo baniu o movimento.

Os partidos enfrentam muitas desvantagens em uma lei eleitoral aprovada no ano passado. Quase 75% dos assentos na Assembleia Legislativa de 567 membros são reservados para candidatos individuais. Segundo analistas, isso favorece candidatos ricos o suficiente para financiar campanhas próprias. Outros 5% dos parlamentares serão diretamente nomeados pelo presidente Abdel-Fattah el-Sissi, ex-chefe do Exército que governa o Egito desde o ano passado.

Ativistas da oposição projetam que empresários bem relacionados e um ou dois partidos leais a el-Sissi irão dominar o próximo parlamento.

As tensões políticas ocorrem em um contexto de aumento da violência antigoverno, particularmente na Península do Sinai. El-Sissi culpa a Irmandade Muçulmana pelo derramamento de sangue.

Neste sábado, três policiais foram mortos a tiros na cidade de Minya, no centro do país, mas autoridades segurança disseram suspeitar que criminosos comuns teriam sido os responsáveis, e não rebeldes muçulmanos. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.