Egito reabre pirâmides e espera retorno de turistas

Monumentos estavam em reforma; muitos visitantes se afastaram devido à violência e à instabilidade.

BBC Brasil, BBC

12 de outubro de 2012 | 10h12

O Egito reabriu algumas de suas principais pirâmides que estavam em reforma, e espera voltar a atrair os milhares de turistas que visitavam o país antes do período de protestos e violência, conhecido como Primavera Árabe, que levou à queda do governo de quase 30 anos de Hosni Mubarak.

Desde o ano passado, houve uma forte queda no número de pessoas que visitam o país, por conta da violência e da instabilidade.

Os números ainda são relativamente pequenos, mas as autoridades dizem que os turistas estão voltando aos poucos.

As pirâmides de Chefren e Giza estão novamente abertas ao público, e o clima no país - pelo menos nas regiões turísticas - é de tranquilidade. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.