Egito vive cenas de batalha de rua

Assembleia apressa voto em meio a protestos contra decreto assinado por presidente.

BBC Brasil, BBC

29 de novembro de 2012 | 16h00

O Egito viveu uma semana de tumultos e protestos violentos, provocados pela decisão do presidente do país, Mohamed Morsi, em assinar um decreto que lhe concede amplos poderes.

Os protestos já duram sete dias, e também houve ataques realizados contra o partido de Morsi, a Irmandade Muçulmana, em diferentes pontos do país.

Longe das multidões, as classes política e jurídica do Egito também estão em confronto. Críticos dizem que a assembleia encarregada de formular a nova Constituição pretende introduzir uma legislação islâmica no país.

A decisão de formular um esboço da Constituição para esta quinta-feira foi uma medida para impedir a dissolução da Constituinte pelo Judiciário, que poderia ocorrer no domingo. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.