Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

ElBaradei adverte os EUA dos riscos de ataque contra o Irã

O diretor-geral da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), Mohamed ElBaradei, advertiu nesta segunda-feira os Estados Unidos dos riscos de um ataque militar contra o Irã. O diplomata egípcio voltou a defender sua proposta da suspensão simultânea do enriquecimento de urânio por parte do Irã e das sanções contra Teerã por parte do Conselho de Segurança da ONU.Ele fez a advertência no término de seu encontro em Bruxelas, na Bélgica, com o primeiro-ministro belga, Guy Verhofstadt, de acordo com a agência Belga.Ao mesmo tempo, defendeu uma solução diplomática, ao invés da militar, para a crise nuclear iraniana.Neste contexto, os ministros de Assuntos Exteriores da União Européia concordaram em impor sanções ao Irã por seu programa nuclear, embora tenham insistido em sua disposição para negociar com Teerã sobre o controle internacional das atividades atômicas iranianas.As sanções não serão aprovadas formalmente até o final deste mês, quando se espera que a Comissão Européia apresente sua proposta de regulamento para sua aplicação prática.ElBaradei disse que "as sanções são um instrumento útil, mas não o único", ao considerar que "é preciso criar uma democracia pró-ativa", suscetível de levar todas as partes à mesa de negociações.Ao mesmo tempo pediu às autoridades iranianas "plena transparência" a respeito de suas atividades nucleares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.