Eleições britânicas: azarão sobe nas pesquisas e preocupa trabalhistas e conservadores

Depois de surpreender em debate na TV, liberal-democrata Nick Clegg vira alvo de críticas em campanhas de Gordon Brown e David Cameron.

BBC Brasil, BBC

21 de abril de 2010 | 09h27

O candidato do Partido Liberal Democrata às eleições gerais britânicas, Nick Clegg, passou, em uma semana, da condição de azarão da disputa a favorito em algumas pesquisas e principal alvo de críticas de seus rivais na campanha eleitoral.

Clegg nunca havia liderado as pesquisas, mas sua sorte mudou depois de um debate entre os principais candidatos na quinta-feira - o primeiro debate do gênero na história do país.

Tido amplamente como o vencedor do debate, Clegg passou a subir rapidamente nas pesquisas e a preocupar seus adversários.

Em entrevista ao jornal Daily Telegraph nesta terça-feira, Clegg rebatou críticas feitas por Gordon Brown, dizendo que o primeiro-ministro é um "político desesperado".

Brown tinha dito à BBC que as políticas do partido de Clegg precisam ser "expostas".

"Os liberais democratas precisam ser expostos. Eu acho que eles cometem um erro na sua política econômica", citando propostas do partido de Clegg de cortar créditos para políticas de desenvolvimento de crianças.

O conservador David Cameron também buscou minimizar o partido Liberal Democrata, afirmando que só os conservadores representam uma "mudança real" de rumo no país.

Os britânicos vão às urnas no dia seis de maio para eleger o Parlamento, que foi dissolvido no começo deste mês.O partido que obtiver maioria no Parlamento poderá eleger o seu primeiro-ministro.

Clegg, Cameron e Brown voltam a debater nesta quinta-feira, dessa vez sobre política externa.

Ataques

Antes do debate da semana passada na rede de televisão ITV, os conservadores lideravam a pesquisa do instituto YouGov com 41% da preferência do eleitorado. Os trabalhistas apareciam em segundo, com 32%, e o partido de Nick Clegg vinha em terceiro com 18%.

Nick Clegg foi considerado por vários analistas políticos como vencedor do debate, marcado pela troca de farpas entre Brown e Cameron. A imprensa britânica destacou que a frase "Eu concordo com o Nick [Clegg]" foi a mais repetida pelos outros dois candidatos ao longo do debate.

Diferentes pesquisas mostram o avanço de Clegg junto ao eleitorado. Diferentes institutos - como ComRes, ICM e Populus - ainda indicam que David Cameron está na frente, mas Clegg teria crescido desde o debate. Números do instituto YouGov desta quarta-feira indicam que o liberal-democrata agora lidera com 34% das intenções de voto, à frente dos conservadores (31%) e trabalhistas (26%).

O partido Liberal Democrata é de centro-esquerda e surgiu em 1988 da fusão de outros partidos, o Liberal e o Social Democrata. Desde então, os lib dems (como são chamados no Reino Unido) têm sido a terceira maior força do Parlamento britânico. Elas se opuseram à participação britânica na Guerra do Iraque e entre suas principais bandeiras está a defesa de políticas favoráveis ao meio ambiente e uma maior integração britânica à União Europeia.

Na próxima semana, os candidatos fazem o último debate televisivo na BBC, sobre a economia da Grã-Bretanha.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.