Eleições municipais palestinas são adiadas para outubro

Hamas afirma que participará do pleito; votação será primeiro teste do governo de unidade

Agência Estado

17 de maio de 2011 | 15h43

RAMALLAH - O governo do presidente palestino Mahmoud Abbas, da Autoridade Nacional Palestina (ANP), adiou nesta terça-feira, 17, por três meses, as eleições municipais nos territórios palestinos ocupados. As eleições foram adiadas para outubro e Abbas disse que é necessário mais tempo para garantir que o sufrágio aconteça tanto na Cisjordânia quanto na Faixa de Gaza.

 

Veja também:

especialInfográfico: As fronteiras da guerra no Oriente Médio

especialLinha do tempo: Idas e vindas das negociações de paz

 

A decisão faz parte do recente processo de reconciliação entre o movimento Fatah, de Abbas, e o movimento Hamas, que controla a Faixa de Gaza. Os dois movimentos estiveram em disputa política durante os últimos quatro anos, mas, na semana passada, chegaram a um acordo para unificar o governo palestino.

 

As eleições municipais serão o primeiro teste para o governo unificado dos palestinos, medindo a popularidade tanto do Fatah quanto do Hamas e indicando se os dois movimentos serão capazes de uma unidade duradoura. Após o acordo ser anunciado, os dois grupos começaram a trabalhar para a formação de um governo de unidade, um processo que poderá levar meses.

 

O governo da ANP na Cisjordânia anunciou que as eleições serão adiadas de 9 de julho para 22 de outubro, para permitir a reconciliação e "propiciar uma atmosfera para que ocorram eleições em todos os territórios palestinos".

 

O Hamas, que antes do acordo de unidade havia dito que boicotaria as eleições, afirmou que participará do sufrágio. "O Hamas participará de todas as eleições e isso é algo que foi manifestado no acordo de reconciliação", disse Ismail Radwan, um líder do movimento. Os palestinos esperam ter eleições legislativas e presidenciais no próximo ano. As informações são da Associated Press.

 

Leia ainda:

linkDiálogo de paz é mais vital que nunca, diz Obama

Tudo o que sabemos sobre:
palestinoseleiçãooutubroadiamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.