Eleições na Macedônia podem ser canceladas

Os conservadores venceram a eleição presidencial na Macedônia, neste domingo. Com apenas 20% das cédulas ainda não apuradas, Gjorgje Ivanov, da situação, tinha quase dois terços dos votos, derrotando o social-democrata Ljubomir Frckoski.

AE-AP, Agencia Estado

05 de abril de 2009 | 20h25

Contudo, oficiais da comissão eleitoral disseram que ainda não podem oficializar o resultado devido ao baixo comparecimento às urnas. Até o momento, a estimativa é de que 42,1% dos eleitores tenham votado. De acordo com a legislação do país, o pleito pode ser cancelado se a participação ficar abaixo de 40%. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Macedôniaeleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.