Eleitores da Espanha se preparam para eleições gerais

Mais de 34 milhões de eleitores da Espanha votam amanhã nas eleições gerais, provavelmente tirando do poder os Socialistas e elegendo o Partido Popular. Hoje, um número pequeno de manifestantes se reuniu na praça Puerta del Sol, em Madri, para protestar contra as medidas de austeridade adotadas pelo governo, o alto nível de desemprego e os políticos que eles consideram incapazes.

AE, Agência Estado

19 de novembro de 2011 | 15h03

A votação amanhã para eleger os 350 membros do Parlamento e os 208 senadores começa às 9 horas do horário local (6 horas de Brasília). Após quase dois anos de recessão, a economia da Espanha está fortemente debilitada e a taxa de desemprego é a maior entre os 17 membros da zona do euro, de 21,5%. Esta semana, o juro da dívida soberana do país se aproximou da marca de 7%, um nível considerado insustentável pelos analistas. Grécia, Portugal e Irlanda se viram obrigados a solicitar socorro internacional após os juros das suas dívidas chegarem a esse nível. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Espanhaeleiçõescriseeconomia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.