ELN retoma conversas visando a reunião de Havana

O grupo guerrilheiro Exército de LibertaçãoNacional (ELN), retoma neste domingo as conversas preliminares de paz visando à reunião que terá com o Governo colombiano em Cuba.Só participarão da reunião, que acontecerá na Casa de Paz de Antioquia, os representantes da Comissão de Fiadores e Francisco Galán, líder do grupo rebelde. "Essa é uma reunião programada com antecedência e será de trabalho", disse Alvaro Jiménez, membro da Comissão de Fiadores que acrescentou que não se sabe se no final da mesma haverá algum documento.Delegados do Governo colombiano, entre eles o Alto Comissariado para a Paz, Luis Carlos Restrepo, e comandantes do ELN se reuniram em dezembro passado em Havana, Cuba, onde conseguiram avançar rumo a um segunda etapa que permitirá, inclusive, negociações deCessar-fogo. Essa segunda fase acontecerá neste mês, também em Cuba.Com estas reuniões foram retomados os contatos interrompidos em 2004. Em meados da semana passada, o ELN pediu à sociedade que aporte iniciativas para os diálogos de paz com o Governo. O porta-voz do grupo insurgente, Francisco Glán, conhecido como Gerardo Bermúdez, disse que "o ELN não quer agendas mortas tiradas de um livro da experiência de outros países, nem tiradas da velha história".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.