Em 33 anos, palestinos receberam 0,7% da terra

Dados do próprio governo israelense indicam que, nos últimos 33 anos, a agência que administra terras na Cisjordânia repassou apenas 0,7% do território aos palestinos e 38% a colonos israelenses. Revelado pelo jornal Haaretz, o levantamento foi apresentado à Corte Suprema de Israel em uma batalha de três décadas envolvendo o confisco de terras palestinas por parte das Forças Armadas. Militares alegam que a posse do território é questão de "segurança nacional", embora mais de um terço tenha sido entregue a colonos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.