Em busca de influência, Rússia recebe líder do Hamas

O líder do grupo militante palestino Hamas, Khaled Meshal, está visitando Moscou. A viagem ocorre no momento em que o governo russo busca aumentar seu papel na promoção da paz no Oriente Médio. O Ministério das Relações Exteriores russo não divulgou informações sobre o encontro, hoje, entre o chanceler russo, Serguei Lavrov, e Meshal. O Kremlin tenta sediar uma conferência de paz sobre o Oriente Médio.

AE-AP, Agencia Estado

08 de fevereiro de 2010 | 13h13

O governo russo vê o Hamas como parte integrante do processo de paz, apesar da forte oposição de Israel e dos Estados Unidos. Washington lista a organização como terrorista. Moscou pede com frequência que seja encerrado o bloqueio na Faixa de Gaza, controlada pelo Hamas. A Rússia é parte do chamado Quarteto de mediadores para a paz no Oriente Médio, que inclui ainda Estados Unidos, União Europeia (UE) e Nações Unidas.

Tudo o que sabemos sobre:
RússiaHamasencontro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.