Em Cingapura, nada de cabelo longo ou tingido na escola

Diretores de escolas de Cingapura impediram que alunos entrassem nos prédios para buscar resultados de provas por estarem com cabelo longo ou tingido. Alguns também usavam brinco e tinham costeleta. Casos semelhantes ocorreram em outros colégios.Na escola secundária Hong Kah, a diretora Mary Bay explicou: ?Nenhum estudante pode pintar o cabelo em Cingapura. Garotos devem ter cabelo curto e garotas devem prender o cabelo longo, regras que existem há muito tempo.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.