Em decisão inédita, ONU suspende Assembléia Geral

Em uma decisão sem precedentes na história da Organização das Nações Unidas, a sessão da 56ª Assembléia Geral, prevista para ocorrer no próximo dia 24, foi adiada nesta terça-feira por tempo indeterminado."Uma nova data do encontro será fixada no futuro", disse Jean Fischer, porta-voz do presidente da Assembléia Geral, o sul-coreano Han Seung-soo, que optou pelo adiamento depois de ouvir o parecer dos grupos regionais da ONU.A decisão foi tomada devido aos atentados terroristas nos Estados Unidos e a pedido de nações que integram a ONU.Além disso, Washington já havia expressado sua preocupação com a segurança de reunião. A sede da ONU fica em Nova York.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.