Alessandro Bianchi/Reuters
Alessandro Bianchi/Reuters

Em discurso, Papa Francisco encoraja processo de paz da ONU para Síria e Líbia

Pontífice também falou sobre os 'ataques brutais de terrorismo' que atingiram Paris neste ano e também os conflitos na África

O Estado de S. Paulo

25 de dezembro de 2015 | 09h59

CIDADE DO VATICANO - O Papa Francisco, em discurso na Basílica de São Pedro, disse estar rezando para que os acordos de paz, recentemente apoiados pela Organização da Nações Unidas (ONU) para a Síria e a Líbia terminem rapidamente com o sofrimento dos povos. Ele também parabenizou a generosidade dos países que acolheram refugiados.

Francisco lançou um apelo do Dia do Natal nesta sexta-feira para um mundo castigado pela guerra, pobreza e ataques extremistas. A Praça de São Pedro está sob forte segurança desde os atentados terroristas em Paris, em 13 de novembro.

O pontífice falou sobre os "ataques brutais de terrorismo" que atingiram a capital da França esse ano, assim como os conflitos na África, no Oriente Médio e na Ucrânia.

Ele afirmou que "apenas a piedade de Deus pode libertar a humanidade das varias formas de maldade, muitas vezes uma maldade monstruosa, que gera egoísmo entre nós". Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Papa FranciscoBasílica de São Pedro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.