Em obituário, mulher pede doações para derrubar Bush

A americana Gertrude M. Jones não queria flores nem cartões em seu enterro. Ela queria apenas se ver livre do presidente George W. Bush. Em seu obituário, a mulher de 81 anos expôs seu último desejo: pede doações a "qualquer organização que busque tirar o presidente Bush do poder".E pessoas de todo o país vêm atendendo a seu pedido. Em uma página de internet em homenagem a Jones, dezenas de pessoas publicaram mensagens de apoio. Muitos avisaram que contribuiriam com o Comitê Nacional Democrata ou com qualquer concorrente de Bush nas eleições presidenciais de 2004.Jones morreu em 25 de agosto. Seu breve obituário foi publicado em 2 de outubro no The Times-Picayune, um jornal de Nova Orleans. "Quando li o obituário, pensei: isso é demais", contou Susan Crites, uma vendedora de livros do Colorado que doou mais US$ 10 ao candidato democrata Howard Dean, a quem já enviou mais de US$ 300 ao todo.O obituário de Jones rendeu ainda 15 doações ao também democrata Wesley Clark apenas em Montana, disse Angela Monaghan, coordenadora da campanha de Clark no Estado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.