Em programa de TV, suspeito confessa estupro e morte

O principal suspeito no estupro seguido de morte de uma adolescente britânica em 2003 confessou o crime, numa entrevista à televisão indiana. "Eu seqüestrei, estuprei e matei Hannah Foster", disse Maninder Pal Sing Kohli à rede de TV New Delhi. Perguntado por que confessava o crime, Kohli, que está sob custódia da polícia indiana, se disse "cansado de fugir". Foster, uma estudante de 17 anos que queria estudar Medicina, foi seqüestrada perto de sua casa em Portswood, Southampton, em 14 de março do ano passado. Seu corpo foi encontrado dois dias depois e uma autópsia revelou que ela havia sido estuprada e estrangulada. Kohli fugiu para a Índia depois que a polícia britânica encontrou o corpo da adolescente. Ele foi detido neste mês no Estado de Bengala Ocidental, depois que a família de Foster chegou à Índia e ofereceu uma recompensa para quem fornecesse informações sobre o paradeiro dele. A polícia da Grã-Bretanha já havia emitido uma ordem de prisão internacional contra o suspeito e agora deverá solicitar a sua extradição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.