BEA/AFP
BEA/AFP

Em telefonema, Merkel expressa condolências por estudantes mortos em queda de avião

Chanceler alemã telefonou para prefeito de Haltern am See; 16 alunos e dois professores voltavam de intercâmbio na Espanha 

O Estado de S. Paulo

25 Março 2015 | 11h45


BERLIM - A chanceler alemã, Angela Merkel, telefonou nesta quarta-feira, 25, para o prefeito da cidade de Haltern am See, de onde eram os 16 adolescentes que morreram na queda do voo da Germanwings nos Alpes do sul da França, para expressar suas condolências.

"As pessoas em Haltern, pais, irmãos, amigos e companheiros de classe, viveram horas difíceis após o acidente do avião da Germanwings", afirmou a vice-porta-voz do governo alemão, Christiane Wirtz, após informar sobre o telefonema de Merkel a Bodo Klimpel. "Por isso, a chanceler entrou em contato com Klimpel, para transmitir sua profunda solidariedade."

A cidade alemã ficou em "estado de comoção" na terça-feira após a notícia de que os 16 estudantes e dois professores da escola Joseph-Koenig Gymnasium estavam no voo 4U9525, que seguia da Espanha para a Alemanha.

Os adolescentes tinham entre 15 e 16 anos e haviam passado uma semana no instituto Giola, em Llinars del Vallès, em um programa de intercâmbio que era realizado há anos pelo colégio. /EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.