Embaixada palestina recebe envelope com pó suspeito

A embaixada palestina em Moscou recebeu um envelope suspeito, nesta segunda-feira, contendo pó branco não identificado. O material foi enviado para especialistas a fim de ser examinado, informou a assessoria de imprensa da embaixada.O envelope estava endereçado para o embaixador palestino Hairi al-Oridi, afirmou a assessoria. Uma secretária descobriu o pó, que foi enviado para testes no centro epidemiológico de Moscou, a fim de checar se ele continha antraz ou qualquer outra substância perigosa.A assessoria de imprensa não forneceu mais detalhes. A agência de notícias Interfax afirmou que a carta foi enviada de São Petersburgo para a embaixada, mas não tinha remetente.Centenas de casos de correspondência contendo pó suspeito foram divulgados na Rússia depois do susto com o antraz nos Estados Unidos no outono (boreal) passado, mas a presença de antraz foi confirmada em apenas um caso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.