Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Embaixador argentino em Cuba fica em Buenos Aires

A chancelaria argentina decidiu hoje que seu embaixador em Havana, Oscar Torres Avalos, permanecerá em Buenos Aires "por tempo indeterminado", em sinal de desagravo pelas recentes afirmações do presidente cubano Fidel Castro. Apesar da decisão, o chanceler argentino, Adalberto Rodríguez Giavarini, afirmou que o governo do presidente Fernando de la Rúa reagirá "racionalmente" contra o "endurecimento" por parte de Cuba em suas relações com a Argentina.O confronto com Cuba começou após Fidel dizer que o governo argentino teria a intenção de apoiar uma condenação à ilha comunista, durante uma reunião da comissão de direitos humanos da ONU, que será realizada em abril, em Genebra. Fidel afirmou que tal posição equivaleria a "lamber as botas ianques".Em Nova York, onde realiza uma visita oficial, Giavarini disse que está tratando a questão "com toda a prudência". "Há um grande respeito pelo povo cubano, mas também é certo que a atitude do senhor Castro foi totalmente ofensiva".

Agencia Estado,

08 de fevereiro de 2001 | 16h53

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.