Embora mais fraca, nova tempestade ameaça NY

Moradores de áreas costeiras de Nova York e Nova Jersey receberam um novo alerta para deixar suas casas e companhias aéreas cancelaram voos uma vez que uma nova tempestade tomou corpo nesta quarta-feira, pouco mais de uma semana após a passagem do furacão Sandy pela costa leste do país, que deixou mais de 90 mortos e milhões sem energia elétrica.

AE, Agência Estado

07 de novembro de 2012 | 13h25

Meteorologistas disseram que a mais recente tormenta parece mais fraca, mas ainda assim carrega potencial para provocar fortes ventos, de até 104 quilômetros por hora, e tempestades que podem causar mais danos à já enfraquecida infraestrutura da região mais densamente povoada do país. O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, ordenou que a polícia usasse alto-falantes para alertar moradores vulneráveis, muitos deles em moradias de baixa renda.

Os ventos começaram a aumentar na manhã desta quarta-feira em Nova Jersey e algumas comunidades costeiras receberam ordem para saída obrigatória programada para o fim do dia. No entanto, muitos estão decidindo ficar, temerosos de que seus lares vazios sejam saqueados. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAtempestadeNova YorkNova Jersey

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.