Emboscada e explosão matam sete pessoas no Afeganistão

Pelo menos uma pessoa morreu e outras sete ficaram feridas, neste domingo,11 na explosão de uma bomba em um mercado de Khost (leste do Afeganistão), enquanto cinco talibãs e um policial perderam a vida em um enfrentamento, informaram à Efe fontes oficiais.A explosão ocorreu em um movimentado mercado da capital da província, Khost, dentro de uma loja de telefones celulares, e causou a morte de uma pessoa e ferimentos em outras sete, informou à Efe o diretor do hospital provincial, Gul Mohammad Mohammadi.Mohammadi acrescentou que seu hospital recebeu oito feridos, um dos quais morreu mais tarde.O chefe da Polícia provincial, Mohammad Ayoub, confirmou o fato, mas não forneceu detalhes sobre o número de vítimas nem sobre a autoria do atentado, embora no passado os talibãs tenham recorrido a este tipo de ataque.Por outro lado, insurgentes emboscaram um comboio da Polícia afegã enquanto patrulhavam ontem a estrada entre o distrito de Zurmat e a capital da província de Paktia (leste), Gardiz, disse à Efe o chefe da Polícia provincial, Abdul Rahman Sarjang.Sarjang disse que cinco talibãs e um policial morreram, enquanto outro uniformizado ficou ferido.Os corpos dos insurgentes continuam junto a suas armas no campo de batalha, segundo o policial.Na quinta-feira passada, o principal dirigente da Otan no país, o general Dan McNeill, advertiu durante uma entrevista coletiva que os talibãs poderiam recorrer a ataques suicidas e explosões, após terem "perdido a capacidade" de atacar com forças regulares.A chegada da primavera recrudesceu as hostilidades no Afeganistão, onde no ano passado morreram cerca de 4.400 pessoas, mil delas civis.

Agencia Estado,

22 de abril de 2007 | 04h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.