Emir do Catar vai transferir poder para o filho

O emir do Catar, xeque Hamad bin Khalifa Al Thani, pretende transferir o poder para o filho, informa a rede pan-árabe de televisão Al Jazeera.

AE, Agência Estado

24 de junho de 2013 | 17h09

Não há muitos detalhes disponíveis sobre o processo de transição, algo raro em uma região do mundo onde os monarcas costumam governar até a morte.

De acordo com a Al Jazeera, o xeque comunicou a decisão a seus familiares. Um pronunciamento à nação é esperado para amanhã, feriado nacional no Catar, informa a agência estatal de notícias QNA.

Hamad bin Khalifa Al Thani tem 61 anos e governa o Catar desde 1995. Sob seu comando, o pequeno reino rico em petróleo tornou-se um influente ator regional.

O príncipe herdeiro do Catar é o xeque Tamim bin Hamad Al Thani. Ele tem 33 anos. Nos últimos anos, o príncipe herdeiro esteve envolvido em todas as mais importantes decisões tomadas no reino.

Considera-se improvável que a transição leve a alguma mudança significativa nos rumos do Catar. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Cataremir

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.