Emirados Árabes anunciam prisão de célula terrorista

O governo dos Emirados Árabes Unidos (EAU) anunciou o desmantelamento de uma célula terrorista formada por militantes dos Emirados e da Arábia Saudita, que estaria planejando ataques nos dois países, informa o jornal Al-Arabiya. De acordo com a agência estatal de notícias WAM, dos Emirados, os suspeitos "importaram material e equipamento com o objetivo de cometer atos terroristas".

RENATO MARTINS, Agência Estado

26 de dezembro de 2012 | 13h53

"As autoridades de segurança dos EAU, em coordenação com partes relacionadas da segurança da Arábia Saudita, anunciaram a prisão de uma célula organizada do grupo depravado que estava planejando levar a cabo ações contra a segurança nacional de ambos os países e de alguns países irmãos", diz o comunicado da WAM. A expressão "o grupo depravado" frequentemente é usada pelo governo da Arábia Saudita para se referir à organização terrorista Al-Qaeda. O número de suspeitos presos não foi revelado.

Tudo o que sabemos sobre:
Emirados Árabesterrorismoprisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.