AFP Photo/Ramon Espinosa
AFP Photo/Ramon Espinosa

Emissora estatal cubana exibe urna com cinzas de Fidel Castro pela primeira vez

Urna está na sala Granma do Ministério das Forças Armadas, ao lado da Praça da Revolução, em Havana

O Estado de S.Paulo

29 de novembro de 2016 | 08h53

HAVANA - As cinzas do líder cubano Fidel Castro, morto na sexta-feira aos 90 anos, repousam em uma urna de madeira exibida pela primeira vez pela televisão estatal na noite de segunda-feira. Ela está na sala Granma do Ministério das Forças Armadas, ao lado da Praça da Revolução, em Havana.

Neste local, o presidente Raúl Castro prestou uma homenagem ao irmão em uma cerimônia privada, segundo informações locais. Acompanhado da cúpula do Partido Comunista de Cuba, Raúl observou um minuto de silêncio diante da urna e fez um juramento de lealdade à Revolução liderada pelo irmão em 1959.

Na segunda-feira, milhares de cubanos foram à Praça da Revolução para prestar seu tributo ao líder da Ilha. As homenagens seguirão até terça-feira.

No dia seguinte, começa uma procissão que percorrerá 13 das 15 províncias e terminará no domingo, em Santiago de Cuba, no leste da ilha, onde deverão ser depositadas as cinzas de Fidel, no Cemitério Santa Ifigenia. / AFP

Tudo o que sabemos sobre:
CubaFidel CastroRaúl Castro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.