Empate técnico entre os principais candidatos no México

Os principais candidatos à presidência do México aparecem pela primeira vez em um empate técnico faltando cinco semanas para as eleições de 2 de julho, segundo pesquisa publicada nesta segunda-feira pelo diário Milênio.Segundo a sondagem, o ex-prefeito da Cidade do México Andres Manuel Lopez Obrador, do esquerdista Partido da Revolução Democrática, lidera com 33.6% das preferências. O candidato da situação, Felipe Calderón, aparece em segundo, com 33.1%, enquanto Roberto Madrazo, do antes governista Partido da Revolução Institucional, ficou em terceiro, com 30%.A pesquisa, realizada entre 21 e 24 de maio entre mil eleitores, tem uma margem de erro de 3.2 pontos percentuais, para mais ou para menos. Calderón caiu três pontos em relação à última sondagem do começo do mês. Lopez Obrador subiu um ponto, e Madrazo, 2.5.Lopez Obrador liderou as pesquisas por meses - em determinado momento com 10 pontos de vantagem sobre Calderon -, mas no começo do mês o candidato do presidente Vicente Fox o superou por pequena vantagem.Analistas atribuíram a queda de Lopez Obrador à propaganda negativa contra ele divulgada pela campanha de Calderon, sua recusa de participar em um debate televisionado em abril e sua guerra verbal com o presidente Fox.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.