Empresa aérea processa ex-comissário por vídeos

A American Airlines abriu um processo contra um ex-comissário de bordo por criar vídeos satíricos contra a companhia. Gailen David responderá por quebra de confiança, conspiração e fraude. Ele produzia os vídeos com a ajuda de dez pessoas.

O Estado de S.Paulo

17 de abril de 2012 | 03h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.