Empresário chileno registra marca "Osama bin Laden"

O empresário chileno proprietário da marca de vinho que leva o nome do ex-ditador Augusto Pinochet, registrou agora a marca comercial "Osama bin Laden". "O nome é conhecido e me pareceu comercialmente atrativo registrá-lo...Trata-se de uma marca que as pessoas já gravaram e que pode servir para fazer negócios", disse Eduardo Arévalo ao jornal eletrônico El Mostrador.com. O empresário informou ter registrado a marca na área correspondente à higiene ambiental. Ele acrescentou que se inspirou "em uma notícia, segundo a qual no Brasil estão vendendo como pão quente as máscaras de Osama bin Laden" para o carnaval. O empresário ficou conhecido depois de registrar o nome de Pinochet e de utilizá-lo para a venda de vinhos no Chile e em outros países. Leia o especial

Agencia Estado,

31 Outubro 2001 | 17h28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.