Vahid Salemi / AP
Vahid Salemi / AP

Empresário iraniano-americano é preso no Irã, diz fonte

Siamak Namazi foi detido em meados deste mês, de acordo com uma fonte familiar ao assunto; há quatro iranianos-americanos prisioneiros no país, entre eles, o jornalista Jason Rezaian, do Washington Post

O Estado de S. Paulo

30 Outubro 2015 | 18h43

WASHINGTON - Um conhecido empresário iraniano-americano foi detido por autoridades no Irã, possivelmente criando outro obstáculo nas relações entre Estados Unidos e Irã na sequência do acordo nuclear entre os países.

Siamak Namazi foi detido por autoridades iranianas em meados de outubro, de acordo com uma fonte familiar ao assunto, que pediu anonimato. Ele estava viajando ao Irã, onde seus pais moram, para visitar a família, e foi impedido de deixar o país em julho. Segunda a fonte, Namazi não estava no Irã a negócios.

Namazi foi detido pelo serviço de inteligência da Guarda Revolucionária e está atualmente mantido em solitária na prisão de Evin, disse a fonte à agência Reuters. O empresário foi regularmente chamado para interrogatórios entre julho e o momento em que foi detido, acrescentou a fonte.

"Estamos cientes de relatos recentes da possível prisão no Irã de um cidadão americano", disse uma autoridade sênior da administração de Obama. "Estamos analisando estes relatos e não temos mais nada para dizer neste momento".

Namazi mora em Dubai e trabalha como chefe de planejamento estratégico da Crescent Petroleum, companhia de petróleo e gás nos Emirados Árabes Unidos. Ele foi chefe-executivo da Atieh Bahar Consulting, firma no Irã de marketing privado e consultoria estratégica.

O jornal New York Times fala que há especulações de que o Irã esteja planejando uma negociação com os EUA para libertar os quatro iranianos-americanos prisioneiros no país, entre eles, Jason Rezaian, jornalista do Washington Post. / REUTERS 


Mais conteúdo sobre:
Jason Rezaian Siamak Namazi Irã

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.