Empresas japoneses venderam tecnologia proibida à Coréia do Norte

Agentes da polícia e da Promotoria das províncias de Yamaguchi e Shimane, no sudoeste do Japão, informaram nesta sexta-feira que duas empresas do país exportaram à Coréia do Norte, por meio de Taiwan, maquinaria que pode ser utilizada para produzir armas biológicas.Fontes ligadas à investigação citadas pela agência de notícias Kyodo afirmaram que as exportadoras venderam uma máquina de desidratação por congelamento a uma empresa de Taiwan. Esta, por sua vez repassou o dispositivo à Coréia do Norte.Esse tipo de tecnologia é definido pela legislação referente a exportações como sendo material sensível e sujeito a restrições e permissão especial do governo, pois pode ser utilizado para cultivar bactérias malignas ao ser humano.Segundo a lei de exportação, tais máquinas de desidratação são classificadas como "produtos civis que podem ser empregados para a produção de armas de destruição em massa".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.