Encerradas buscas a sobreviventes nas Filipinas

As operações de resgate de possíveis sobreviventes do deslizamento que enterrou o vilarejo rural filipino de Guinsaugon, há oito dias, na ilha de Leyte, foram dadas por concluídas na noite de sexta-feira, após serem encontrados nove corpos, elevando para 137 o número de mortos."Os trabalhos de salvamento foram dados por finalizados com a recomendação dos analistas. As fortes chuvas nos últimos dias nos impossibilitaram de resgatar sobreviventes", explicou em entrevista coletiva, Bonifacio Ramos, coordenador das operações.Ramos acrescentou que os voluntários concentrarão seus trabalhos na ajuda aos desabrigados e a reconstruir Guinsaugon, o vilarejo sepultado pelo desmoronamento, com quase 2.000 habitantes.Ramos indicou que os voluntários de Turquia, Malásia e Taiwan deixarão São Bernardo no domingo, enquanto a equipe indonésia continuará com sua missão durante um mês.A conclusão dos trabalhos realizados pelos soldados americanos dependerá da decisão de Washington, assinalou o militar. A equipe de voluntários espanhóis finalizou suas tarefas na sexta-feira.Segundo dados do governo provincial de Leyte, 980 vítimas continuam desaparecidas, enquanto mais de 18.230 pessoas foram deslocadas, sendo que 2.481 são atendidas em cinco centros de evacuados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.