Encerrado caso contra ex-chefe de espionagem francês

A promotoria parisiense fechou um caso de dois anos contra o ex-chefe da espionagem da França, Yves Bertrand, em uma ação judicial envolvendo reclamações feitas pelo presidente Nicolas Sarkozy. A promotoria citou a falta de provas para sustentar o caso. Funcionários do judiciário disseram que os procuradores não conseguiram sustentar as reclamações de invasão da privacidade feitas contra Bertrand, cujos diários tiveram trechos publicados pela imprensa francesa.

AE, Agência Estado

25 de novembro de 2010 | 15h07

Bertrand liderou a espionagem francesa entre 1992 e 2003. Investigadores tomaram mais partes dos seus diários, como parte de outra investigação, e alguns trechos foram publicados nos jornais. Sarkozy entrou com a queixa contra Bertrand há dois anos, porque alguns trechos se referiam a boatos sobre o presidente e sua segunda esposa, Cecilia. Os dois se divorciaram após a eleição de Sarkozy em 2007. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.