AFP
AFP

Enchente matou 77 em Pequim, diz governo local

População questionava número fornecido anteriormente, de 37 mortos, pela extensão dos danos

AE, Agência Estado

26 de julho de 2012 | 14h54

PEQUIM - As autoridades chinesas informaram nesta quinta-feira, 26, que as enchentes que atingem Pequim mataram 77 pessoas. O anúncio foi feito após a população questionar o número de mortos, que estava em 37 e era considerado baixo por causa da extensão dos danos.

Veja também:

link Erupção de vulcão no Japão espalha cinzas e bloqueia estradas

forum CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

Alguns moradores fizeram listas não oficiais do número de mortos, em um sinal da profunda desconfiança com o governo, acusado de inépcia ao administrar os efeitos do desastre.

O governo da cidade de Pequim disse que 77 corpos foram encontrados até esta quinta-feira. Segundo o governo municipal, 66 corpos foram identificados e cinco deles são de funcionários públicos, que ajudavam nas operações de socorro quando morreram. Desde domingo passado o governo não atualizava a lista com o número de mortos.

Com AP

Mais conteúdo sobre:
ChinaPequimenchentedesastre

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.