Encontrado sobrevivente da queda do avião em Comores

Um funcionário da companhia de aviação estatal Yemenia, do Iêmen, disse que foi encontrado um sobrevivente no local do acidente com o A310, que caiu nesta terça-feira no Oceano Índico, na costa das Ilhas Comores. O Airbus A310 levava 142 passageiros e 11 tripulantes e caiu quando se aproximava do aeroporto internacional de Moroni, na ilha Grande Comore, a principal do arquipélago. O voo era procedente de Paris, com escalas em Marselha e em Sana, capital do Iêmen.

AE-AP/DOW JONES, Agencia Estado

30 de junho de 2009 | 06h40

O ministro de Relações Exteriores da França, Bernard Kouchner, informou que 66 passageiros eram franceses. A força aérea da França, com apoio de navios, está se dirigindo para o local do acidente a fim de ajudar nas operações de busca, atendendo a um pedido do governo das Ilhas Comores, segundo Kouchner.

A ministra dos Transportes da França, Dominique Bussereau, disse que uma inspeção realizada em 2007 pela aviação francesa encontrou "várias falhas" na aeronave, que desde então não havia voltado a entrar no espaço aéreo da França. As informações são da Associated Press e da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
aviãoquedaIlhas Comores

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.