Encontrados no Índico dois objetos que podem ser de avião desaparecido

Segundo governo malaio, um objeto é circular e o outro retangular e podem pertencer ao boeing

O Estado de S. Paulo,

24 de março de 2014 | 08h32

KUALA LAMPUR - A operação internacional de busca do avião da Malaysia Airlines que desapareceu com 239 pessoas a bordo em 8 de março avistou nesta segunda-feira, 24, dois objetos no Oceano Índico que podem ser destroços do boeing 777-200. Um dos objetos é circular e o outro, retangular.Eles serão retirados da água e uma análise determinará se pertenciam ao voo MH 370.

Veja também:

linkPerguntas e respostas sobre o voo MH 370

linkSete fatos sobre o desaparecimento

linkCurta nossa página no Facebook

linkSiga-nos no Twitter

Uma aeronave de vigilância australiana P3 Orion localizou ambas as peças  a cerca de 2,5 mil quilômetros ao sudoeste de Perth. O primeiro-ministro australiano, Tony Abbott, informou ao parlamento local sobre a descoberta, pediu cautela e explicou que se trata de um objeto circular de cor cinza ou verde e o outro retangular de cor laranja, segundo a emissora "Sky News".

A Austrália ampliou hoje a zona de busca no oceano Índico depois que um satélite francês forneceu novas imagens sobre objetos que poderiam ser da aeronave desaparecida.

O voo MH370 decolou de Kuala Lumpur com 239 pessoas a bordo rumo a Pequim na madrugada de 8 de março, e desapareceu dos radares civis da Malásia 40 minutos depois. /EFE

Tudo o que sabemos sobre:
Malaysia Airlinesvoo MH370

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.