Encontrados oito cadáveres em sacos de lixo no México

Os cadáveres de oito pessoas foram encontrados em sacos plásticos de lixo em uma via rural perto da fronteira com a Guatemala, em uma região assolada pela violência do narcotráfico, segundo autoridades de Chiapas, Estado no sul do México. As vítimas estão sendo identificadas, mas a polícia acredita que poderiam ser mexicanos, guatemaltecos ou colombianos. Um funcionário do setor de segurança pública do Estado, sob condição de anonimato, disse que os corpos foram descobertos por um agricultor. Pelo menos um deles tinha indícios de tortura. Os cadáveres estavam perto do povoado de Tuxtla Chico, 90 quilômetros ao sul de outro povoado fronteiriço onde narcotraficantes mexicanos e guatemaltecos se enfrentaram no mês passado, em uma série de tiroteios que deixou 17 mortos. Os assassinatos atribuídos aos cartéis de drogas aumentam no México. As autoridades apontam que pelo menos 5.300 pessoas morreram na violência vinculada ao crime organizado neste ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.