Encontro discute violência em Israel

Terminou nesta madrugada o encontro entre o líder palestino Yasser Arafat, o emissário da União Européia para o Oriente Médio, Miguel Angel Moratinos, e o emissário da ONU, Terjer Larsen, que se reuniram na cidade cisjordânia autônoma de Ramala para discutir a crescente violência em Israel. Cerca de 500 pessoas já morreram nos conflitos entre palestinos e israelenses desde que começou a onda de violência, há aproximadamente sete meses. Nos últimos dias, os confrontos aumentaram, com disparos de morteiros, por parte dos palestinos, contra objetivos israelenses. Ontem, o Exército de Israel levantou os bloqueios de estrada que limitavam a circulação dos palestinos na Faixa de Gaza, impostos durante a ocupação militar israelense na terça e quarta-feira. Apesar desbloqueio, ativistas palestinos voltaram a disparar ontem contra uma área em Israel e colônias judias situadas em Gaza. Em resposta aos ataques, tropas israelenses revidaram com tiros de tanques, ferindo gravemente um ativista do grupo fundamentalista Hamas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.