Endeavour faz último voo antes de virar peça de museu

O ônibus espacial Endeavour pousou em segurança no Aeroporto Internacional de Los Angeles na tarde desta sexta-feira depois de sobrevoar marcos californianos. O tour foi o último voo do Endeavour, que agora será definitivamente aposentado e ficará exposto em um museu da agência aeroespacial norte-americana (Nasa, por suas iniciais em inglês).

AE, Agência Estado

21 de setembro de 2012 | 18h50

Acoplado a um jumbo 747, o Endeavour desceu em Los Angeles depois de quase cinco horas de voo. Um dos tripulantes tremulava uma bandeira dos Estados Unidos na janela da aeronave no momento da aterrissagem.

O sobrevoo da Califórnia realizado nesta sexta-feira levou o Endeavour a passar pelo Capitólio da Califórnia, em Sacramento, pela Golden Gate Bridge, em São Francisco, e pelo letreiro de Hollywood.

Por cada lugar por que passou, o Endeavour foi observado por milhares de pessoas e chegou a parar o tráfego de veículo em diversas estradas e avenidas.

O Endeavour foi o último dos cinco ônibus espaciais norte-americanos. Ele começou a ser construído depois da explosão do Challenger, que desintegrou-se durante o lançamento em 1986.

O primeiro lançamento do Endeavour ocorreu em 1992. Em 25 missões, o Endeavour passou 299 dias no espaço sideral, deu 4.700 voltas ao redor da Terra e voou um total de 198 milhões de quilômetros. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAespaçoônibus espacialEndeavour

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.