Engavetamento na Itália deixa pelo menos 14 mortos

Um gigantesco engavetamento provocado pela neblina deixou pelo menos 14 mortos e 85 feridos em uma rodovia no norte da Itália, dando lugar a uma polêmica sobre a segurança nas estradas do país. Mais de 250 veículos envolveram-se na colisão, ocorrida por volta das 6h00 (hora local) desta quinta-feira na rodovia A4, no nordeste da região do Vêneto, a cerca de 40 km da cidade de Veneza, bloqueando a circulação em ambas as direções. O acidente ocorreu entre as localidades de Dessalto e Noventa di Piave. Segundo as autoridades, além da densa neblina que se estendia nesta madrugada sobre a região, contribuíram para o acidente o excesso de velocidade e o fato de os utilitários e automóveis não manterem distância uns dos outros. Um deles, um caminhão carregado com tanques de hidrogênio, incendiou-se e as chamas alcançaram outros veículos. Alguns ocupantes morreram carbonizados. Entre esses veículos, estava um ônibus que transportava crianças. Uma delas ficou gravemente ferida. A pronta intervenção dos bombeiros permitiu apagar o fogo antes que o caminhão explodisse. Dezenas de pessoas foram transferidas para hospitais da região. Dois helicópteros do corpo de bombeiros, dezenas de ambulâncias e carros da polícia deram assistência ao longo da extensa fila de quase 1 km de carros queimados nos dois sentidos da autopista. A densa neblina que caía no momento do engavetamento permitia uma visibilidade não superior a 20 metros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.