Engenheiro da ONU é assassinado no Afeganistão

Guerrilheiros supostamente ligados à milícia fundamentalista islâmica Taleban assassinaram um engenheiro contratado pela Organização das Nações Unidas (ONU) no oeste do Afeganistão, informou a polícia local nesta segunda-feira. O engenheiro afegão Mohammad Hashim foi morto por homens armados no sábado em Bala Buluk, um distrito da província de Farah, onde ele trabalhava num projeto de reabilitação em trabalhos agrícolas, disse o general Sayed Aqa Saqib, comandante da polícia local. O representante especial do secretariado geral da ONU no Afeganistão, Tom Koenings, disse que seis homens armados tiraram Hashim à força de um carro e o assassinaram a tiros.

Agencia Estado,

06 Março 2006 | 17h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.